quinta-feira, 13 de julho de 2017











Um pastor foi preso suspeito de vender terrenos 
de loteamento ilegal em Feira de Santana, a 
100 quilômetros de Salvador. As informações foram
 divulgadas pela Polícia Civil nesta quinta-feira (13).
De acordo com a polícia, o mandado de prisão 
preventiva contra João Alves Filho, o Pastor João, 
foi cumprido na última terça-feira (11). O mandado foi
expedido pela 2ª Vara Crime, da Comarca de Feira.
A polícia informou que o pastor é suspeito de ter lesado
 dezenas de pessoas após venda dos terrenos no bairro
 Olhos d'Água, por meio da GHP Empreendimentos, 
que ele era dono. De acordo com a polícia, o escritório
 de trabalho dele ficava no andar de cima da igreja 
Casa do Povo, que fica em Feira de Santana.
Quatro mandados de busca e apreensão também 
foram cumpridos, o que resultou na apreensão de 
computadores e documentos, que estavam em 
diferentes imóveis usados pelo pastor.
Após ser submetido a exames de lesão corporal no 
Departamento de Polícia Técnica (DPT), o pastor 
João foi encaminhado ao Presídio Regional de Feira 
Santana, onde permanecerá à disposição da Justiça.











Fonte: G1

0 comentários:

Postar um comentário